“Voltar? Sempre que possível!”

As despedidas nunca são propriamente fáceis. A do Marlon não foi excepção. Mas sentir que ficou “o bichinho” de voltar dá-nos aquela sensação de dever cumprido.

O Marlon chegou há pouco mais de mês e meio, e já o trabalho o levou para a próxima paragem: Bruxelas. Do primeiro ao último dia em que cá esteve, o seu ritmo de trabalho era, no mínimo, intrigante: da pressa ao entrar às horas a fio passadas em frente ao portátil, com cara de poucos amigos… Nada que um bom “quebra-gelos” não solucionasse… e nisso, – modéstias à parte – somos mesmo bons!

O jantar de Natal foi o melhor pretexto para conhecermos um Marlon descontraído e com vontade de fazer parte, também ele, desta que é a nossa família no Cowork Funchal.

E o que é que fazes mesmo?…

Localização”, disse-nos ele. “Oi?…”Também nós começámos a divagar e a imaginá-lo a trabalhar para o Google Earth. Mas não. É na LEIKUR, a sua empresa com sede na Alemanha, que o Marlon e a sua equipa desenvolvem serviços de localização para jogos e aplicações informáticas.

Em síntese, se os mercados-alvos de um jogo diferem do mercado onde ele foi originalmente desenvolvido, importa pois garantir que o produto resulte na cultura ou país onde se pretende introduzi-lo, seja do ponto de vista funcional ou linguístico. A localização vem garantir isso mesmo, recorrendo à tradução de uma língua para outra(s) e à análise pormenorizada ao nível da semântica.

E se a procura por estes serviços se torna francamente interessante, com jogos e aplicações a serem lançados à velocidade da luz, acompanhá-la é um verdadeiro desafio! “Sobretudo pelos ciclos de desenvolvimento tão imprevisíveis, produtos com ciclos de vida cada vez mais curtos e procura constante por novos conteúdos em várias línguas que levam a prazos de entrega cada vez mais apertados! E uma vez que o nosso cliente pode ser de qualquer parte do mundo, trabalhamos praticamente 24h por dia, 7 dias por semana!”

A Madeira e o seu “je ne sai quoi

É com soberba que vamos acenamos daqui, do nosso cantinho, aos europeus continentais que agora não param de bater queixo. Curiosamente, o Marlon não é o primeiro coworker que nos disse ter escolhido a Madeira para fugir ao frio. Pontos para a Região e o “seu eterno clima primaveril”.
Mas não se fica por aqui, enquanto justifica a escolha: fala-nos ainda do fuso horário e da proximidade com o resto da Europa como seus aliados na hora de trabalhar.
E qual a imagem da Madeira que o Marlon leva consigo? “A Madeira e o Funchal são destinos bastante descontraídos, ao mesmo tempo que nos brindam com actividades bastante interessantes. Já falei no café? Não há muitos locais com esta cultura fantástica de café! Não estou a brincar quando vos digo que a chinesa e o garoto passaram a ser os meus novos melhores amigos!”

“Tinha de experimentar!”

“Eu nem sabia bem que expectativas criar em relação à Madeira…” Uma mera curiosidade levou-o a “googlar” espaços para trabalhar no Funchal. Aparecemos nós. “Eu tive de ver e experimentar!”

Apesar de não se considerar um utilizador frequente de coworks, é com facilidade que o Marlon reconhece as vantagens de um espaço como o nosso: “é um excelente conceito, particularmente para freelancers que acabam por ceder à procrastinação – quando tens pessoas à tua volta completamente absorvidas em código, a editar vídeo ou até mesmo a escrever o dia todo conteúdos para a web, torna-se mais fácil te concentrares no teu próprio trabalho. E naturalmente que é sempre bom conhecer gente nova.”
Não podíamos estar mais de acordo.

É bom e recomenda-se

“Desde o primeiro contacto até que me instalasse, tudo decorreu de forma bastante fácil”, confirma este nosso amigo. “E a verdade é que passei bastante tempo cá… obviamente porque o meu trabalho assim o exige, mas não falemos sobre isso! Este é definitivamente um espaço excelente para trabalhar, que irei recomendar a qualquer amigo que venha à Madeira para férias… e trabalho!”

Só te podemos agradecer, Marlon, e esperar ver-te por cá novamente. 😉

© Copyright 2017 Cowork Funchal - Todos os direitos reservados

Contactos